Diagnóstico Final

Xantoma Gástrico


Amostras histológicas representadas por fragmentos de antro gástrico mostram que a estrutura geral está preservada. No córion superficial encontra-se intenso infiltrado histiocitário xantomatoso, caracterizado por células de citoplasma amplo, claro e intensamente microvacuolado. As células se agrupam formando lençóis irregulares de limites pouco nítidos. Os núcleos são isomórficos, redondos ou ligeiramente ovalares, com cromatina finamente granulosa e regularmente distribuída.

Discussão

Xantomas gástricos, também denominados xantelasmas ou ilhas de lipídios são pequenos nódulos ou placas de coloração branco-amarelada, com apresentação única ou múltipla, normalmente com 1 ou 2 mm de diâmetro, de forma circular ou oval. É uma patologia rara. Na população geral, é usualmente menor que 1% (podendo atingir 18-60% nos indivíduos submetidos à ressecção gástrica por úlcera péptica), aumentando com a idade, com picos a partir de 40 anos. Pode ser encontrada em qualquer porção do estômago e sua etiologia não é bem definida, podendo ou não estar relacionado à hipercolesterolemia. Microscopicamente é possível identificar grupos de macrófagos com citoplasma repleto de vacúolos com conteúdo lipídico (colesterol esterificado em todos os casos e associado a triglicerídeos em alguns casos), sem figuras de mitose ou atipias celulares na lâmina própria da mucosa gástrica. Dentre seus diagnósticos diferenciais, podemos citar o adenocarcinoma de células em anel de sinete. Apesar desta neoplasia também apresentar células com citoplasma claro semelhante ao do xantoma gástrico, é possível identificar diversas células com núcleos atípicos.

Referências

Robbins, S. L.; Cotran, R. S.; Kumar, V. Patologia - Bases Patológicas das Doenças - Saunders/Elsevier 2010.

http://bases.bireme.br/cgi-bin/wxislind.exe/iah/online/?IsisScript=iah/iah.xis&src=google&base=LILACS&lang=p&nextAction=lnk&exprSearch=127910&indexSearch=ID

http://www.gastropediatra.com.br/doencas-gastricas/xantoma-gastrico/